Skip navigation

IBM afasta executivo acusado de vazar informação privilegiada

Vice-presidente sênior da empresa teria fornecido informações sobre planos da companhia de comprar a Sun Microsystems.

Por IDG News Service

20 de outubro de 2009 – 13h51

O chefe do grupo de sistema e tecnologia da IBM, Robert Moffat, foi afastado do cargo após ser acusado pela Comissão de Segurança e Trocas dos Estados Unidos (SEC) de participar de um suposto esquema de fornecimento de informação privilegiada.
Moffat, que também era um vice-presidente sênior da empresa, foi acusado na sexta-feira (17/10) de conspiração para cometer fraudes de segurança. O SEC diz também que outros executivos de tecnologia de Wall Street estão relacionados ao suposto esquema, que, segundo a agência, resultou em lucro líquido ilícito de milhões de dólares.
“Devido a uma investigação federal em suas atividades pessoais, Moffat foi colocado temporariamente em licença e não está mais servindo como executivo da IBM”, declarou a companhia.
O substituto de Moffat na empresa será Rod Adkins, vice-presidente sênior de desenvolvimento e manufatura do grupo, de acordo com o site da IBM. O perfil de Moffat foi retirado da página da companhia.
As supostas informações privilegiadas fornecidas por Moffat teriam sido dadas ao gerente da New Castle Funds Danielle Chiesi quando a companhia considerava a compra da Sun Microsystems. Chiesi teria feito negócios em nome da New Castle Funds que teriam gerado cerca de 1 milhão de dólares de lucros ilegais.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: